Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Sou Mais Eu...

Sou Mais Eu...

30.01.18

Mica a birrenta...

soumaiseu

IMG_20180127_142347.jpg

(Foto minha: Micaela Rodrigues)

Decidimos que sábado iríamos aproveitar os saldos e comprar fatos para o marido. Pensei em levar a cadela já que íamos a uma loja onde já somos clientes mas depois o marido disse que também queria ir ver uns fatos num centro comercial... Ok, então assim já não levo a cadela. E a cadela ficou em casa. Resultado, quando chego encontro a "rapariga" aninhada exatamente onde a deixei, no meio da sua manta quente e fofa. Durante o sábado todo não quis brincar. Não quis comer. Cozi-lhe frango só para ela, mordeu dois ou três pedaços com muito pouca vontade. Não tocou na ração. Não quis ir apanhar sol na varanda nem no quintal. Domingo de manhã a mesma prostração. Nada de mordiscar as mãos do dono. Nada de lambeijos a ninguém... Desafiamo-la com as palavras mágicas do "Vamos à rua?" mas nem assim! Sempre que lhe pegava ouvia um queixume, um gemido. Decidimos que iríamos leva-la ao veterinário a seguir ao almoço mas não foi preciso porque a seguir ao almoço a  birra passou-lhe. Agarrou numa bola e foi brincar com o meu pai... A sério? Nós a pensar que a cadela estava doente com alguma coisa e afinal a moça só estava de mono! Já viram a minha vida? Agora até a cadela faz birra! Oh vida! 

15.03.17

Confusão...

soumaiseu

Com a Mica cá em casa a confusão instalou-se e veio para ficar. Senão vejam: a cadela já chateou tanto o Tico, a chinchila cá de casa, que este achou por bem puxar-lhes os bigodes para lhe mostrar qual o seu lugar; a Mica morde as orelhas da gata Naná (a preta) que acha aquilo muito terapêutico até se fartar da perseguição e se refugiar no topo do móvel da sala (só não vai para os varões dos cortinados porque ainda não conseguiu perceber como se chega lá), entretanto temos uma cadela aos pinotes para chegar até ela ao ponto de dar cambalhotas de tanto se esticar; a gata Lola (a branca) põe-se em cima da cama e do sofá e vai distribuindo chapadinhas à cadela como quem lhe diz "Ouve lá ó coisa, cresce e aparece que eu cá sou maior que tu!" (claro que já cortei as unhas às duas felinas antes que o desastre aconteça); entretanto a cadela aspira todas e quaisquer coisas que encontra no chão, tudo lhe serve para brincar... e mastigar; e por falar em mastigar a cadela come  a ração das gatas e estas comem a sua ração, o que quer dizer que qualquer dia levanto-me de manhã e tenho as duas gatas a ladrar e a cadela a miar... Isto está bonito está! 

02.03.17

Ritanhês: A chegada da Mica!

soumaiseu

Já vos disse que os meus pais ofereceram um "cão de tropeço" à neta. Claro que eu sabia, mas na verdade nunca pensei que chegassem mesmo a vias de facto. O que é certo é que no dia 21 de Fevereiro a Mica chega à nossa casa, ao colo da antiga dona, uma senhora de pele muito branca e cabelos e lábios vermelhos. A Dona Carmen abre o casaco onde trazia escondida a cachorrinha e diz à petiz "Olha, o que eu te trouxe, é para ti, eu dou-ta..." A primeira reação da petiz foi deixar-se seduzir pela amostra de cão que lhe era posta nos braços, mas logo a seguir desatou a chorar como se não houvesse amanhã. Diz-lhe a senhora "Então meu amor? Não a queres? É tua! Não gostas dela?", mas a Rita vem ter comigo em pranto e sem nunca largar a cadela diz-me "Mamã... tenho saudades do Doggy... muitas...". Expliquei-lhe que eu também eu tenho saudades do nosso cão, muitas mesmo, na verdade tenho mais saudades do que aquelas que gostaria de ter porque ter saudades magoa muito o coração. Mas o Doggy não vai regressar. E por mais cães Labradores que tenhamos, mesmo que sejam pretos nunca haverá outro igual a ele, podem ser melhores, piores, parecidos, mas nunca serão como o Doggy porque o Doggy era único. Assim como cada um de nós é diferente e especial. "Se gostas da cadelinha deves ficar com ela". "E a senhora Mamã, fica sem ela? Vai ficar muito triste... eu não quero!" A Dona Carmen interviu "Rita, Chamas-te Rita não chamas? Podes ficar com a cadelinha, eu dou-ta porque eu tenho mais em casa, tenho a mãe e o pai dela, mais a avó, e ainda tenho mais dois bebes. Eu não fico triste. É tua se a quiseres..."

- Então assim quero, assim já quero.... é tão fofinha! 

E foi assim a reação da minha petiz. Enquanto que qualquer criança agarraria no novo amigo sem olhar atrás a minha filha deixou-se inundar por sentimentos. Por um lado a saudades do nosso Doggy que estavam lá embora eu não me tenha apercebido disso, por outro o não querer que a Dona Carmen sofresse das mesmas saudades que ela... É assim a minha menina, uma menina linda, com uma postura de vida diferente, mas que me enche o coração de orgulho! Bravo meu amor! 

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2010
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2009
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2008
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2007
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D