Segunda-feira, 28 de Janeiro de 2008

A minha terra

Nasci numa aldeia onde as ruas cheiram a sol torrado no Verão e a lenha queimada no Inverno. É uma aldeia como qualquer outra, mas tem o seu quê de especial já que mais não seja pelo seu nome, quanto a mim, peculiar - Proença-a-Velha. Nasci lá por imposição da minha mãe a quem não passava pela cabeça que os seus filhos pudessem ter outra naturalidade diferente da sua. Gosto de regressar sempre que posso a Proença,  á humilde casa que dos meus pais. Gosto de matar saudades dos cheiros. Nada cheira como a nossa aldeia, nada cheira como a nossa casa da terra! Na minha aldeia os velhos ainda espreitam a sombra no cimo dos seus balcões e são tão codrilheiros como em qualquer outro local.  Mas gosto deles assim, lembram-me a minha avó... Nasci em Proença mas sou de Lisboa. Talvez por isso não consiga também viver sem o rebuliço desta grande cidade, do trânsito infernal, da confusão das ruas, do stress que se adivinha em cada pessoa com quem nos cruzamos. Mas este post não é dedicado a Lisboa. Lembrei-me da minha terra porque já há algum tempo descobri

"A Proençal" (www.proencal.com), uma associação sobre Proença com direito a site e tudo. Gostei tanto que até lhes mandei um e-mail no qual lhes dava os parabéns pela excelente ideia e organização. Não me responderam! É Pena! Fiquei desiludida mas não faço comentários. No entanto, como sou uma excelente pessoa :-) deixo aqui para os mais curiosos algumas informações sobre a minha terra:

 

Proença-a-Velha foi doada por D. Sancho I à Ordem dos Templ á rios com o intuito de a repovoar e defender e que antes deste monarca pouco se conhece da sua história. D. Pedro de Alvites ter-lhe á concedido foral em 1218, reconstruindo-lhe o castelo.
Sobre a origem e significado do seu topónimo, existem v á rios pareceres, destacando-se de entre eles o do Prof. Leite de Vasconcelos o qual supõe ter a palavra Proença origem no nome provençal mediévico da região de Provença.
O seu pelourinho, monumento nacional, é brasonado e apresenta 4 escudos, nos quais se vê a Cruz de Cristo, a esfera armilar e as armas reais.

 

POPULAÇÃO: 344 Hab.
SUPERFÍCIE: 57,749 Km2
ACTIVIDADES: Agricultura; pastorícia; Comércio
FEIRAS: Anuais (2º Domingo de Janeiro, 19 de Março, 5 de Agosto, 28 de Outubro)
FESTAS E ROMARIAS: Nossa Senhora da Granja (segunda-feira de P á scoa); Nossa Senhora da Silva (15 de Agosto); Nosso Senhor do Calv á rio (penúltimo Domingo de Agosto)
PATRIMÓNIO: Igreja Matriz; Igreja da Misericórdia; Capelas de S. António e do Senhor do Calv á rio; Cruzeiro; Pelourinho; Fonte Romana; Chafariz; casas Senhoriais
OUTROS LOCAIS DE INTERESSE: Lagar de Varas - museu referente às técnicas de produção de azeite
GASTRONOMIA: Ensopado de Cabrito; Arroz de Cabidela; Arroz de Bulho
ARTESANATO: Bordados; Bonecos em Madeira
COLECTIVIDADES: Liga de Desenvolvimento Local; Centro de Dia.

sinto-me:
publicado por soumaiseu às 21:51

link do post | comentar | favorito
8 comentários:
De Nany a 29 de Janeiro de 2008 às 13:58
Gostei, posso ir à tua terra?
De AALADOSNAMORADOS a 14 de Março de 2008 às 14:11
Estimada conterrânea
Gostei de saber que, alguém nascido num aldeia beirã, tem um blog no Sapo.
Também gostei das suas apreciações relativamente à terra que a viu nascer. Gostei imenso das fotos que são verdadeiros ex-líbris de Proença.
Mas quero discordar e deixar-lhe um reparo em relação a uma afirmação sua: Diz que nasceu em Proença mas que é de Lisboa. Não concordo. Se nasceu em Proença então é de Proença ; embora possa gotar muito de Lisboa.
Também, tal como você, discordo completamente da pessoa que "controla" o Site da Proençal, pois acho ue deviam sempre responder. Sendo assim, o Site poderia servir não só para aproximar os naturais como também para a sua divulgação
Com amizada
Afonso
De soumaiseu a 18 de Março de 2008 às 14:57
Olá Afonso! Só hoje é que vi o seu comentário... infelizmente não tenho tido muito tempo para ir ao blog. Sim, é verdade! Nasci em Proença e tenho um blog (muito modesto) no Sapo... Sou a neta mais velha da já falecida Teresa "Maneia". Se é da terra se calhar a alcunha é-lhe familiar. Aceito o seu reparo. Às vezes aquilo que escrevemos não é bem o que queriamos dizer... Tenho muito orgulho em ter nascido em Proença. E se digo que sou de Lisboa é só porque fui criada aqui, estudei aqui, casei aqui, tenho os meus amigos aqui... mas nunca, em circunstância alguma, tive vergonha das minhas origens humildes, nem nunca me esqueço da linda aldeia onde a minha mãe quis que eu nascesse!
De AALADOSNAMORADOS a 18 de Março de 2008 às 17:08
Obrigado por teres respondido ao meu comentário. Na verdade conheci muito bem a tua AVÓ e certamente também a tua mãe. Tomei muitas vezes banho no então conhecido POÇO DO MANEIO.
Também eu vivo em Lisboa, na zona dos Anjos. Os meus pais viviam na Devesa .
Eu sou bastante mais velho que tu, mas certamente te lembrarás se te disser que sou irmão da Ressurreição que, embora viva em Lisboa, tem casa no ADRO. O meu Pai, já falecido há muito, chamava-se António Afonso
Há muito que não vou a Proença e por isso tenho imensas saudades.
Quero ver se um dia destes lá vou.
Um beijinho
Afonso
[Error: Irreparable invalid markup ('<br [...] <a>') in entry. Owner must fix manually. Raw contents below.]

Obrigado por teres respondido ao meu comentário. Na verdade conheci muito bem a tua AVÓ e certamente também a tua mãe. Tomei muitas vezes banho no então conhecido POÇO DO MANEIO. <BR>Também eu vivo em Lisboa, na zona dos Anjos. Os meus pais viviam na Devesa . <BR>Eu sou bastante mais velho que tu, mas certamente te lembrarás se te disser que sou irmão da Ressurreição que, embora viva em Lisboa, tem casa no ADRO. O meu Pai, já falecido há muito, chamava-se António Afonso <BR>Há muito que não vou a Proença e por isso tenho imensas saudades. <BR>Quero ver se um dia destes lá vou. <BR>Um beijinho <BR>Afonso <BR class=incorrect name="incorrect" <a>Ps</A> </A></A><BR>Tenho também um muito modesto Blog no Sapo. Quando quiseres podes visitá-lo. É o seguinte: <BR class=incorrect name="incorrect" <a>http</A> </A>:/ aaladosnamorados.blogs.sapo.pt
De soumaiseu a 25 de Março de 2008 às 20:46
Olá, Afonso! Claro que sei qual é a casa da Ressurreição e conheço-a vagamente, através da minha mãe, que se chama Fátima e é a filha mais velha da minha avó. Lembras-te dela? Confesso que eu não me lembro de ti, o que à partida será normal uma vez que és mais velho do que eu... mas as diferenças de idade não me incomodam minimamente, pelo contrário, aprende-se muito mais com as pessoas mais velhas do que nós. Quanto ás tuas saudades da terra, tens bom remédio: vai lá! Nada melhor do que fazermos aquilo que nos apeteçe. Acho que devemos fazer sempre aquilo que queremos porque acredito que só assim nos mantemos fiéis a nós próprios. Beijo. São
De Ana Santos a 20 de Março de 2008 às 18:04
Olá gente da terra da minha mae, sou da familia Geraldes da parte do meu avo pai da minha mae de Proença, terra que gosto muito, e vou la com os meus pais sempre que posso. Estou em Santarém terra que acolheu a minha mae com 2 anos.
Passei por aqui para vos deixar beijos e abraços e gostei muito do blog
De soumaiseu a 25 de Março de 2008 às 20:54
Olá, Ana! Eu sou afilhada do Francisco Geraldes, filho da Maria "Semoa" (que também já faleceu) e que casou com a Maria Antónia, irmã mais nova da minha mãe. Como os sobrenomes são iguais se calhar o meu padrinho ainda é da tua familia.... Será? Estou curiosa! Fui espreitar o teu blog que achei girissimo... o meu ao lado do teu é muito pobre, de qualquer das formas obrigada por teres gostado dele. Pode ser que um dia destes nos encontremos em Proença. Beijos. São
De Ana Santos a 17 de Abril de 2008 às 01:43
Olá. Falei com a minha mae e ela com os meus avos, mas eles pouco se lembram da familia que teem na terra, mas os mais conhecidos de familia que conheçemos, é a Meilitra e o Manuel (Vamos lá ) e o avó da minha mae era o Luís Bonita.

bjos

Comentar post

.mais sobre mim

.Agosto 2018

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. E hoje estou que não poss...

. E quando a saúde falta...

. Ritanhês: Quadro de excel...

. Saudades de mim...

. Papoilas...

. Ritanhês...

. Análises...

. Perguntam-me...

. Ritanhês...

. 11 anos!

.últ. comentários

Obrigada pelas tuas palavras.... Estou a tentar, j...
Obrigada Nuno... 😢
Estás a ter um dia daqueles que todos os temos de ...
Conheço bem esse sentimento e uma destruição perma...
Muitos parabéns á Rita. Eu cá acho que não é só po...
Oh muitos parabéns ;)É sempre um orgulho!
As tendinites custam muito, o meu marido tem no om...
Pesquisa um pouco sobre alimentação.Muitas vezes a...
Obrigada! Este ano correu bem. Se bem que o meu ob...
Que bom! Foi um bom trabalho neste ano letivo! Que...

.favoritos

. Lembranças...

. Quando a personagem princ...

. 15 Conselhos sobre Escrit...

. Sim tenho vagina, não não...

. Disparates....

. sabem aquela mulher que m...

. O que fiz no domingo?

. O anuncio que hoje me fez...

. Toda as mortes são premat...

. O Pai Natal

.links

.tags

. todas as tags

.arquivos

. Agosto 2018

. Julho 2018

. Junho 2018

. Abril 2018

. Março 2018

. Fevereiro 2018

. Janeiro 2018

. Dezembro 2017

. Novembro 2017

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Fevereiro 2011

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

.pesquisar

 
blogs SAPO

.subscrever feeds