Lilypie Kids Birthday tickers
Segunda-feira, 9 de Janeiro de 2017

Mário Soares...

Estava eu no meu 10º ano. Na disciplina de Jornalismo o professor lembrou-se de nos mandar fazer uma crónica política para nota. A mim saiu-me na rifa o Mário Soares. Com a arrogância que os meus 15/17 anos me permitiam reclamei "Que chatice, logo o Mário Soares, não gosto nada do homem, tinha logo que me sair este!"... Não vi que o professor cirandava ao meu lado. Perguntou-me claro e bom som o que é que eu sabia sobre o Dr. Mário Soares. Atrapalhada respondi com sinceridade: "Quase nada...". O professor olhou-me com ar sério, "Então vais fazer o trabalho e depois conversamos sobre essa questão." E assim foi. Feitas as pesquisas necessárias lá fiz a dita crónica. Quando o professor ma devolveu já avaliada, a nota que tive não me recordo, mas ainda hoje me lembro da afirmação que vinha escrita no final da folha: "Aposto que mudaste de ideias...". Efetivamente mudei mesmo de ideias. Percebi no Soares um homem lutador pelo que é nosso, pela nossa liberdade, pelo nosso país. Mal sabia eu que mais tarde viria a ser militante do PS. Hoje não sou militante de nada e nem sequer do PS sou. Mas o Mário Soares foi o meu "primeiro político", aquele que me abriu os horizontes. Ideologias políticas à parte Portugal não seria o mesmo sem este senhor. E tenho pena de o ver partir.

sinto-me: Estava na hora...
publicado por soumaiseu às 11:43

link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito (1)
|
Terça-feira, 13 de Dezembro de 2016

Decisões...

... e vegetarianismo. Ora bem, uma das minhas melhores amigas tornou-se vegetariana recentemente. É uma pessoa de extremos em termos alimentares. Conheci-a gordinha, fazia todas as dietas malucas que por aí andavam e ia perdendo peso em iô-iô. Até que emigrou para França. O stress da sua nova vida tornou-a anorética, e de seguida bulímica. Foi ao médico, fez tratamento, estabilizou e tornou-se numa ovo-lacto-vegetariana. Posto isto, sou bombardeada por telefone e por facebook com todas as suas novas teorias. A minha amiga tornou-se obcecada pela alimentação sem carne e peixe e o pior é que os argumentos dela começam a ter algum efeito no meu cérebro "adormecido". Manda-me links com os perigos para a saúde do consumo destes alimentos, com os perigos do fast-food, com os benefícios dos vegetais na saúde, acena-me com a redução do colesterol, diabetes e hipertensão de que os vegetarianos normalmente usufruem... Para piorar apanhei no outro dia uma reportagem na televisão sobre um local qualquer cujo nome já não me recordo, onde se faz a matança do porco e se mata o animal com uma arma alegando que o animal não sofre. Aquilo mexeu comigo. Cresci a ver a minha avó a fazer a matança do porco e ainda hoje me lembro dos guinchos do animal. Uma morte com arma não retira o carácter bárbaro do ato em si. Cá em casa come-se carne em demasia e isso incomoda-me bastante, com o sogro aqui ainda é pior porque o homem só quer é carne de porco no prato.  Dei comigo a olhar para a carne que tinha à minha frente e a pensar se era mesmo necessário come-la... Ao almoço comi meia entremeada. Ao jantar não lhe toquei, jantei só sopa de legumes e arroz de ervilhas. E nem vos conto como isso me fez sentir bem comigo mesma. Já sei qual é a pergunta que vos saltita nos lábios... E a minha resposta é não sei! Para já vou reduzir ao máximo que puder. Só eu, não vou impingir a minha nova postura a ninguém. Depois logo se vê...

P.S. Deixo-vos um link que me incomodou bastante: aqui.

sinto-me: Bem!
publicado por soumaiseu às 10:48

link do post | comentar | ver comentários (6) | favorito (1)
|
Segunda-feira, 13 de Junho de 2016

Sonho...

Estava em Espanha, provavelmente de férias, a minha petiz tinha ido fazer uma actividade com monitores e quando estes regressaram a petiz tinha ficado por lá, ninguém sabia dela, ninguém tinha dado pela sua falta... ninguém me dava uma justificação.  Gritei como nunca alguma vez o fiz e só não matei alguém porque o marido não deixou pôr as minhas mãos em cima de ninguém.  Há sonhos que são assim, capazes de nos aniquilar por completo. Pelo que gritei devia ter acordado sem fala e com os olhos inchados pelo choro e pelo desgosto. Acordei sim com um sentimento de derrota, de perda absoluta, um coração apertado e um suspiro cravado no peito.  Uma dor que mesmo fictícia doía demais e me corroía por dentro. Foi apenas um sonho mas serviu para eu perceber que poucas coisas seriam capazes de me destruir: esta seria uma delas. Que Deus nunca permita que tal aconteça! 

sinto-me: enfim...
publicado por soumaiseu às 15:10

link do post | comentar | ver comentários (6) | favorito
|
Quinta-feira, 14 de Abril de 2016

Hoje falo-vos da Zélia...

Surpresa Zélia! É hoje que vou falar de ti... 

Quem é a Zélia? - perguntam vocês. Bem, a Zélia é uma amiga. É uma amiga que ficou pelo seu valor. Pela sua força. A Zélia é a acordeonista do nosso Rancho e é cega. Nasceu assim, sem essa capacidade que para nós é tão necessária e vital. A Zélia não vê. Mas toca como ninguém, usa os seus ouvidos para captar a beleza do que a rodeia. Basta um som, um acorde, um assobiar, um traulitar... A Zélia sem ver vê mais do que nós vemos com a nossa visão tão "imprescindível". E vive intensamente porque ela sabe que a vida é uma dádiva e há que goza-la enquanto podemos. Tem uma voz característica. Um tanto forte, mas melodiosa e com um sorriso sempre constante. Uma presença impossível de ignorar. Entre nós ela não é a coitadinha, é uma de nós. Quem a vê pela primeira vez depressa percebe que de coitadinha ela não tem nada. Trabalha. É telefonista. E segue o meu blog em silêncio. Já sei que no sábado quererá conversar comigo sobre o que escrevo porque está sempre atenta ao que por aqui se passa. 

Mas porque é que eu vos falo da Zélia? Porque me apetecia há imenso tempo fazê-lo. Porque há pessoas que nos ensinam muito e privar com elas é um privilégio. Porque enquanto uns se fazem de desgraçadinhos e se encolhem num nicho escuro outros há que se fazem à estrada mesmo quando o percurso é "escuro". A Zélia não vê literalmente nenhuma luz ao fundo do túnel mas sabe que está lá... Nada a pára, nada a demove. É esta a nossa Zélia! Que bom fazeres parte das nossas vidas! Beijo grande....

sinto-me:
publicado por soumaiseu às 10:39

link do post | comentar | ver comentários (6) | favorito (4)
|
Sábado, 14 de Novembro de 2015

Sexta-feira dia 13...

Acordo com uma valente constipação oferta da minha petiz. Passo o dia todo a espirrar com frio, com calor, tudo junto só para chatear. Esqueco-me de decidir o jantar...

Levo a miúda à ginástica. O marido que devia ter ido ter connosco telefona-me: "Tens de me vir buscar, o carro não pega, estou sem bateria..." Ok. Lá vou eu para a Lapa às 7 da noite para depois ainda ir ao veterinário buscar medicação para o Doggy que estava sem um único comprimido para tomar. Mas não sem antes ter de esperar que a aula de ginástica acabe. 

Chego a casa, largo a miúda (não quis levar o cachorro: parece que já estava a adivinhar), pego num pacote de bolachas para enganar o estômago do marido e vou busca-lo. Um trânsito infernal. Ligo-lhe, descubro que o homem resolveu andar: já a prever a minha demora veio da Lapa a pé até à Praça de Espanha. Quando o apanho tenho um ser de fato e gravata dentro do carro a transpirar que nem um cavalo... Seguimos viagem a caminho do Veterinário. A meio da IC19 aviso no painel: Pneu furado... pneu furado... pneu furado. Não acredito! Encosto, ponho os quatro piscas, monto o triângulo e... chamamos o reboque: Não tínhamos pneu sobressalente porque tivémos um furo à pouco tempo que ainda não tínhamos mandado reparar. Para complicar revirámos o carro mas não encontrámos os coletes para usar... 

Terminamos o dia com um carro abandonado na Lapa, outro em frente à oficina de pneus do Beato (soubemos hoje que os dois pneus não tem arranjo). Chego a casa para jantar às 10.30h da noite um frango e batatas fritas de pacote que comprei à pressa. Ligo a televisão e levo com a cereja no topo do bolo. Paris está "em guerra". O que são os meus problemas e o meu azar de sexta-feira dia 13 com o que aconteceu em Paris? Tenho amigos lá. Sempre que acontece uma coisa destas fico com o coração nas mãos e apedir para que estejam bem. Que gente é esta que mata assim? Tanta gente que perdeu a vida... Não percebo a mente dos terroristas... que Deus ilumine as suas almas! 

sinto-me: Triste...
publicado por soumaiseu às 12:35

link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|

.mais sobre mim

.FAZ-TE YOUZZER!

.Junho 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.posts recentes

. Mário Soares...

. Decisões...

. Sonho...

. Hoje falo-vos da Zélia...

. Sexta-feira dia 13...

.últ. comentários

Olá, olá... tenho saudaditas tuas... obrigada pelo...
Passei só para deixa uma beijoca, também ando sem ...
Eu adorei o chapéu. Quando cá em casa precisarem v...
Fizeste muito bem. É parvinha a outra miúda.
Olá São! Obrigada pelo seu comentário. Fico feliz ...
É dificil.... Mas vou tentando e hei-de lá chegar...
Prepara-te
Olá, vim deixar o meu testemunho.Apanhei queimadur...
Ah, mas sim, sou uma rabugenta convicta :P
As pessoas são más por natureza. Infelizmente é ma...

.favoritos

. 15 Conselhos sobre Escrit...

. Sim tenho vagina, não não...

. Disparates....

. sabem aquela mulher que m...

. O que fiz no domingo?

. E o Resto Que Se Lixe

. O anuncio que hoje me fez...

. Toda as mortes são premat...

. O Pai Natal

. Às estrelinhas do nosso C...

.links

.tags

. todas as tags

.arquivos

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Fevereiro 2011

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

.pesquisar

 
blogs SAPO

.subscrever feeds