Lilypie Kids Birthday tickers
Sábado, 22 de Março de 2008

Novamente à minha terra!

 

                                 

 

Hoje acordei a pensar na minha aldeia! (A culpa é do livro do Tony Carreira A Vida Que Eu Escolhi: estou a ler aquela parte inicial em que ele só fala de Armadouro ).

E vai na volta lembrei-me da minha terra!

Estamos na Quaresma e para aqueles que não sabem, esta é uma das épocas mais bonitas de Proença, altura em que se vivem as mais enraizadas tradições religiosas. Na Sexta-feira Santa faz-se o Enterro do Senhor na Misericórdia... lembro-me que quando era pequena o Enterro ser feito com muita garra.... a tampa do caixão era atirada com uma força brutal e o estrondo fazia-nos saltar o coração.... nunca mais me esqueci desse barulho.... Hoje as coisas já são feitas de forma mais suave. Mas o que eu gosto mesmo é de ver o povo juntar-se á porta da Misericórdia a cantar no chamado Sábado de Aleluia... Não resisto.... se estiver a passar a Páscoa na terra, lá vou eu também para o meio do maranhal entoar as velhas canções que a minha avó e o meu pai me ensinaram desde tenra idade!

 

   "Aleluia, aleluia!

   Aleluia, Aleluia!

   Aleluia já é festa!

  Desceu um anjo dos céus 

 Nossa alegria é esta!

...

Olha a laranjinha

Que caiu, caiu

Num regato de á gua

Nunca mais se viu

...

Adeus Quinta-feira Santa

Sexta-feira de Paixão

Adeus Sábado de Aleluia

Domingo de Ressureição"

 

 A minha avó contava que quando ela era míuda costumavam também encomendar as almas e então ia um grupo de pessoas para a Igreja e outro para o Calvário e entoavam cânticos que se ouviam em cada um destes sítios .... era de arrepiar! Nunca vi, ou se vi era certamente muito pequena porque não tenho qualquer recordação.... Foi uma tradição que se perdeu e hoje em dia penso que já não se faz.... deixo a dica à Proençal : se tentam recuperar as velhas tradições de Proença, porque não esta?

Há já alguns anos que não vou passar a Páscoa a Proença. O ano passado não fui porque a minha filha nasceu na Semana Santa. Foi sem dúvida a melhor Páscoa da minha vida! Tive um Ovo da Páscoa muito especial! Este ano, infelizmente, por questões profissionais também não me foi possível lá ir!

Mas tenho a certeza que os fornos ainda se acedem para cozer os Bolos da Páscoa,  e que a aldeia cheira divinalmente a bolos, fumo e a Primavera... e que junto à ponte o Rio corre raso como sempre, lindo, arrastando consigo um tapete bordado a limos verdes e minúsculas flores brancas. 

Para o ano, se Deus quiser, lá estarei. E a minha Rita, já mais crescida, vai certamente começar também ela a apreciar a beleza desta aldeia tão especial, a minha terra!

sinto-me: Os bolos da minha avó....
música: Ó gente da minha terra - Mariza
publicado por soumaiseu às 13:36

link do post | comentar | favorito
|
9 comentários:
De AALADOSNAMORADOS a 30 de Março de 2008 às 13:19
É sempre agradável ler algo que nos faz recordar tempos passados na nossa aldeia.
Na verdade quer a Semana Santa, quer a Páscoa, quer o Madeiro, quer o Carnaval, a Senhora da Granja, o Senhor do Calvário a Senhora da Silva com a quermesse no Largo do Corro, etc. ., etc. , são datas que a todos os naturais de Proença trazem recordações , mais vivas a uns e mais acentuadas a outros. No entanto, e como diz a o Espadinha na sua bela e inesquecível canção, RECORDAR É VIVER.
Obrigada pelas imagens que fizeste passar pelo imaginário da minha juventude passada nessa nossa tão querida e saudosa ALDEIA.
UM BEIJO
Afonso
De Isa a 9 de Maio de 2008 às 13:45
Miúda, que dizer??
Partilhar tudo contigo é fantástico, teres-te tornado uma das minhas melhores amigas, um desafio impossível realizado.
[Error: Irreparable invalid markup ('<br [...] <a>') in entry. Owner must fix manually. Raw contents below.]

Miúda, que dizer?? <BR>Partilhar tudo contigo é fantástico, teres-te tornado uma das minhas melhores amigas, um desafio impossível realizado. <BR class=incorrect name="incorrect" <a>Parabens</A> estou feliz por ti e lembra-te Viver não é sobreviver e tu estás a viver, continua não deixes que te estraguem o teu caminho. <BR class=incorrect name="incorrect" <a>Impóe-te</A> fortemente, já sofres-te demais por não te deixarem viver a tua vida!! <BR>estou aqui para te apoiar e te dar força, apesar dos 1.400 Km que nos separam. <BR>Isa <BR>
De Isa a 9 de Maio de 2008 às 13:48
Miúda, que dizer?? Partilhar tudo contigo é fantástico,
teres-te tornado uma das minhas melhores amigas,
um desafio impossível realizado. Parabéns estou feliz
por ti e lembra-te Viver não é sobreviver e tu estás a
viver, continua não deixes que te estraguem o teu
caminho. já sofres-te demais por não te deixarem
viver a tua vida!! estou aqui para te apoiar e te dar
força, apesar dos 1.400 Km que nos separam. Isa
De Ricardo a 12 de Agosto de 2008 às 15:56
Eu não nasci em Proença, mas os meus pais e avós sim. Gostei muito do que fala sobre Proença, é uma terra mágica, quando era mais novo estava sempre ansioso para ir até Proença, Natal, Carnaval, Páscoa, Verão, etc.
Não perdia por nada deste mundo uma festa do Sr. do Calvário e Páscoa, agora tenho pena de não consiguir ir lá tantas vezes como quereria e estar lá tampo tempo como desejaria.
Não sei que é, se calhar até nos conhecemos, quase de certeza ou até somos primos!!!
Beijos.
De soumaiseu a 2 de Setembro de 2008 às 12:56
Olá, Ricardo! Não tive tempo para responder ao teu comentário mais cedo, mas estou muito curiosa em saber quem tu és. Se calhar, como tu dizes, ainda somos primos. Ora vamos ver: Chamo-me São e sou a neta mais velha da já falecida Teresa Maneia. Sou filha da Fátima (que casou com o António, o mais velho dos Cambulhos). E tu? Quem és? Se calhar somos da mesma idade... Tal como tu, também eu gostaria de ir mais vezes a Proença, se bem que desde a morte da minha avó, já não tem o mesmo sabor. Mas é sempre bom voltar, nem que seja por 2 ou 3 dias. Fico à espera da tua resposta. Beijo. São
De ricardo a 2 de Setembro de 2008 às 13:56
Olá, eu tenho 28 anos, sou neto do Manuel Pastanudo e da Maria Augusta Bicho, filho do Vicente e da Maria Deolinda. Este ano não consegui ir lá na festa mas agora vou lá um dia ou dois.
Bjs. Ricardo.
De soumaiseu a 23 de Setembro de 2008 às 16:51
Olá, Ricardo! Desculpa não ter dito nada mais cedo mas a desculpa é sempre a mesma: não tenho tido tempo para nada! Eu sou um bocadito mais velha do que tu... tenho 37 anos. Confesso que as alcunhas dos teus familiares não me são estranhas, mas quanto a caras, a coisa já é mais complicada. No entanto, em conversa cá em casa, descobri que os meus pais conhecem os teus, principalmente o meu pai que começou logo a falar do Vicente. Já foste matar saudades à terra? Um destes dias encontramo-nos por lá! Beijos. São
De ricardo a 24 de Setembro de 2008 às 10:10
Infelizmente tive de ir lá na semana passada, pois o meu avô faleceu. Agora vou lá no fim de semana de 5 Outubro, vai ser o encontro de acordionistas.
De soumaiseu a 26 de Setembro de 2008 às 10:20
Lamento pelo teu avô. Os meus sentimentos. È sempre doloroso perder alguém de quem gostamos. Quanto ao encontro de acordionistas não costumo ir. Não sou grande apreciadora de Acordião (deve ser trauma de infância porque os meus pais adoram e eu cresci a ouvir músicas com acordeão). E então diz-me lá: tu tocas ou vais só ver passar a banda? Beijo.

Comentar post

.mais sobre mim

.FAZ-TE YOUZZER!

.Novembro 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.posts recentes

. Estou de volta...

. Sobre mim...

. As Ritas...

. Eu e os...

. Ritanhês (On hollidays co...

. Sim eu sei...

. Ainda sobre o Baile de Fi...

. A Lola e a Mica

. Mimos....

. Finalista 1ª ciclo

.últ. comentários

É um pouco como voltarmos atrás no tempo... e de r...
Bom dia Catarina! Costuma encontrar-se à venda nas...
I´m back....
Where are you?
Olá alguem me sabe dizer onde comprar este tipo de...
Beijocas
que sonho . Eu já tentei por duas vezes entrar na...
Deve ser muito giro. Por mais estranho que pareça,...

.favoritos

. 15 Conselhos sobre Escrit...

. Sim tenho vagina, não não...

. Disparates....

. sabem aquela mulher que m...

. O que fiz no domingo?

. E o Resto Que Se Lixe

. O anuncio que hoje me fez...

. Toda as mortes são premat...

. O Pai Natal

. Às estrelinhas do nosso C...

.links

.tags

. todas as tags

.arquivos

. Novembro 2017

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Fevereiro 2011

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

.pesquisar

 
blogs SAPO

.subscrever feeds