Lilypie Kids Birthday tickers
Sexta-feira, 31 de Março de 2017

Ritanhês: nova amiga!

A minha petiz tem uma nova amiga. Uma daquelas com quer sempre brincar, com quem desabafa e com quem gosta de conversar. Chama-se Leonor. Conhecem-se desde o primeiro ano, mas desde o ano passado que tem vindo a aproximar-se. E se aos 6 anos ambas se achavam mutuamente umas chatas, 3 anos depois descobrem novos pontos de contacto, novas coisas em comum, e também novas diferenças que resolvem muito civilizadamente entre elas. Eu, como mãe, estou contente. Reconheço obviamente o carácter volúvel das amizades nestas idades, mas para mim, esta relação entre as duas mostra-me que a minha filha cresceu. Já passou a fase do "A Margarida não gosta de mim, ninguém quer brincar comigo, a Carolina passou o dia todo a chatear-me e a rir-se na minha cara, as gémeas são umas estúpidas, eu hoje só brinquei com os rapazes..." Amadureceu a minha petiz. Percebeu que na vida as coisas nem sempre correm como queremos, e que quando isso acontece é melhor deixar-nos ir na corrente do que remar contra a maré. Se as pessoas não gostam de nós não temos que nos impor. Há que dar espaço. Porque dando espaço novas perspetivas surgem no horizonte. E nesse espaço que a minha filha deu descobriu uma Leonor, uma menina franzina e miudinha que fisicamente nada tem a ver com a minha matulona, mas que é em tudo muito "parecida" com a minha petiz... Cheira-me que a Leonor vai andar por cá uns bons tempos... O tempo me dará razão. Ou não. A ver vamos...

sinto-me: Satisfeita!
publicado por soumaiseu às 13:06

link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito
|
Quinta-feira, 30 de Março de 2017

On a diet...

O peso é uma coisa tramada. A nossa mente também. Quando os meus pais estiveram cá em casa eu emagreci e dei Graças a Deus por isso. Com o meu sogro eu engordo. E porquê? Comer é um ato social e em consequência disso eu dou comigo a imitar os comportamentos alimentares do Indiana Jones. Dei por mim a petiscar pão, beber água e comer fruta após as refeições, o que é deveras irritante porque nem estes nem outros hábitos igualmente nefastos faziam parte da minha maneira de estar à mesa. Resultado, na consulta da asma a médica reparou numa série de coisas graves: o resultado dos meus testes de função respiratória foi mau comparativamente com os últimos resultados o que se traduz num agravamento considerável da minha asma; a minha tensão arterial oscila entre o normal e o alto conforme o "apetite" e o meu peso está a dar cabo de mim e a afetar todo o meu organismo, são as articulações, é a coluna, é o esgotamento físico... Fui encaminhada para a consulta de nutrição do Hospital e estive hoje com o médico, um rapaz novo, "fresquinho", ainda com todos os conhecimentos muito presentes na cabeça, e por isso hoje a coisa tornou-se oficial: I'm on a diet. Dentro de 2 meses tenho nova consulta e até lá é suposto eu mudar e ganhar uma série de hábitos, cumprir uma série de regras, e perder entre 3 a 5 quilos. Uma coisa que eu noto de diferente em mim é que não estou com aquela pica, com aquele entusiasmo que me é tão frequente quando começo uma dieta. Estou calma. Mais decidida do que motivada em fazer as coisas de modo certo, devagar e lentamente. Um passo de cada vez. Vou dando notícias...

sinto-me: De boca fechada... LOL
publicado por soumaiseu às 20:51

link do post | comentar | ver comentários (5) | favorito (2)
|
Terça-feira, 28 de Março de 2017

Ritanhês: o novo calão...

Quem tem filhos sabe que mais tarde ou mais cedo o calão inunda-lhes o linguarejar e quando menos esperamos uma frase normal é decorada com "fixes, bués, cool, muit'á frente..." Cá em casa também se usa o "Aiá" como forma de exclamação. Mas estes são os termos de calão que nos são mais ou menos familiares. Cá em casa tenho vindo a registar pela boca da petiz novas formas de calão. Ora vejam...

- Mamã, na fila do almoço o Diogo perguntou-me se lhe dava trás ou frente. Dei-lhe trás. Não dou frentes a ninguém... (1)

- Ontem ouvi a Carolina perguntar ao grupinho dela "Vamos trolar a Ana Rita?"... Olha, olha ! Ela que venha que eu é que lhe trolo o focinho... (2)

- Hoje dei uma "granda barra" à Carolina... Começaram todos a gritar "Eh, A Ana deu uma ganda barra!".... (3)

E muitas mais haverá certamente... 

Tradução

(1) Utiliza-se quando os colegas se querem pôr à frente de alguém na fila do almoço...

(2) Trolar: chatear, aborrecer, perseguir, irritar...

(3) Ganda barra: dar uma resposta merecida a alguém que estava a pedi-las...

 

sinto-me: Divertida....
publicado por soumaiseu às 18:58

link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito (1)
|
Quarta-feira, 22 de Março de 2017

Nostalgia em Ritanhês...

A petiz está quase a fazer 10 anos. Uma década de vida. Olho para trás e tenho saudades. Da barriga gigante, do dia em que a vi pela primeira vez, das lágrimas que deixei sair com orgulho porque aquela era a bebe mais perfeita e linda que eu já tinha visto na minha vida. Dos primeiros passos, da primeira palavra, do primeiro sorriso. Estamos quase nos 10 anos e tenho saudades desse bebe, das horas de sono perdidas durante a noite, do "Vamos fazer um Ó-o? Quem faz Ó-ó primeiro a Ritinha ou o Azul?", "A mamã, o Azui nã..." Saudades do ar de criança pequena que se vai perdendo com o passar dos anos. Saudades dos famosos "colhacos" (caracóis de cabelo em Ritanhês), do "Ritinha teim colhacos, Mamã teim colhacos, Papá num teim colhacos..."  e do olhar de censura das pessoas que não sabendo do contexto destas palavras olhavam para nós de lado. Saudades meu amor! De ti, do que foste, e já do que és, porque sei que a partir de agora é sempre a crescer, "a vida é sempre a perder"... Num piscar de olhos serás já uma mulher. E eu estarei morta de saudades... 

sinto-me: Nostálgica
publicado por soumaiseu às 10:43

link do post | comentar | ver comentários (5) | favorito (2)
|
Segunda-feira, 20 de Março de 2017

Quando...

... me perguntam como aguento, como suporto esta situação, como é que eu consigo fazer certas e determinadas coisas. Quando me dizem "que forte tu és, que fibra tu tens, que mulher rija tu me saíste"... Digo-vos que não sou nem menos nem mais do que os outros. Só eu sei a dificuldade com que me mantenho de pé.  Só eu sei o esforço que faço para não ceder à tentação de me deixar cair prostrada e me deixar ir com a corrente. Só eu sei as lágrimas que engulo e as vezes que fecho os olhos e calo a minha voz para que ninguém perceba em mim a vontade terrível que tenho de chorar. Para que ninguém me adivinhe a voz em soluço e a garganta apertada. Só eu sei como ando, como me sinto, como me vou mantendo à tona e o quanto isso me custa e me desgasta. Pura teimosia. É esse o meu segredo. Teimosia em não me permitir ceder e em me forçar a manter de pé. Como as árvores. Ainda que por dentro se adivinhe um tronco oco...

sinto-me: Murcha...
publicado por soumaiseu às 12:06

link do post | comentar | ver comentários (3) | favorito (1)
|

Sabemos que....

... estamos gordas quando chegamos a casa, nos baixamos para fazer uma festa à cadela, e o cinto que nos segura as calças rebenta. Não parte a fivela, não descose, a pele simplesmente estoira e fica um pedaço para cada lado lado... Juro-vos que nunca me tinha acontecido.

sinto-me: Espantada!
publicado por soumaiseu às 12:01

link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito (1)
|
Quarta-feira, 15 de Março de 2017

Confusão...

Com a Mica cá em casa a confusão instalou-se e veio para ficar. Senão vejam: a cadela já chateou tanto o Tico, a chinchila cá de casa, que este achou por bem puxar-lhes os bigodes para lhe mostrar qual o seu lugar; a Mica morde as orelhas da gata Naná (a preta) que acha aquilo muito terapêutico até se fartar da perseguição e se refugiar no topo do móvel da sala (só não vai para os varões dos cortinados porque ainda não conseguiu perceber como se chega lá), entretanto temos uma cadela aos pinotes para chegar até ela ao ponto de dar cambalhotas de tanto se esticar; a gata Lola (a branca) põe-se em cima da cama e do sofá e vai distribuindo chapadinhas à cadela como quem lhe diz "Ouve lá ó coisa, cresce e aparece que eu cá sou maior que tu!" (claro que já cortei as unhas às duas felinas antes que o desastre aconteça); entretanto a cadela aspira todas e quaisquer coisas que encontra no chão, tudo lhe serve para brincar... e mastigar; e por falar em mastigar a cadela come  a ração das gatas e estas comem a sua ração, o que quer dizer que qualquer dia levanto-me de manhã e tenho as duas gatas a ladrar e a cadela a miar... Isto está bonito está! 

sinto-me: Divertida!
publicado por soumaiseu às 13:17

link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito (1)
|
Segunda-feira, 13 de Março de 2017

O Explorador....

Domingo, sete da manhã. O sogro acende a luz do nosso quarto e diz para o filho:

- Ó António levanta-te que me hás-de ir ajudar a levantar dinheiro... (o sogro nunca soube utilizar o MB sozinho)

- Dinheiro para quê?

- Para ir para o Brasil. Tenho um passeio e preciso de levantar dinheiro para levar comigo... (há muitos anos atrás o sogro foi passar uma semana ao Brasil numa viagem com os reformados aqui da zona)

- Mas tu já foste ao Brasil...

- Não faz mal, vou outra vez!

 

sinto-me:
publicado por soumaiseu às 10:08

link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito (1)
|
Sexta-feira, 10 de Março de 2017

O Explorador...

Hoje levei a Mica ao veterinário para levar a vacina dos 3 meses. Ao chegar a casa encontro o sogro completamente perdido. Assim que entro em casa manda-me um berro:

- Ó São, abres-me a porta ou não?

- Então Senhor Norberto, o que é que se passa, para onde é que quer ir? 

- Tenho uns artistas a trabalhar para mim... estão à minha espera.

- Sabe onde está?

- Estou em Lisboa, mas os homens estão a trabalhar para mim em Alhões naquilo que é meu...

- Então pense lá comigo, está em Lisboa mas tem gente a trabalhar para si em Alhões... e como é que você lá chega?

- Eu hei-de lá chegar nem que vá a pé...

- Deixe-se lá dessas coisas. O Senhor Norberto tem uma doença que lhe faz isso, que o faz acreditar em coisas que não são bem assim. Eu nunca lhe menti, pois não? Então acredite em mim, não está ninguém à sua espera nem aqui nem em Alhões...

- Isso dizes tu, os artistas vieram aqui bater-me à porta, tocaram a campainha lá em baixo, mas a porta estava fechada, é uma vergonha eu não ter a chave daquilo que é meu car...lho ... Não gosto que me pisem...

- Senhor Norberto, ninguém o está a pisar, a casa não é sua, é minha e do seu filho. Você está na nossa casa porque não pode estar sozinho, e deixamos-lhe a porta fechada porque você perde-se sozinho na rua...

- Antes estivesse sozinho, ao menos governava-me como queria e quando morresse alguém me havia de enterrar. Abre-me a porta car...lho!

- Sr. Norberto, eu não lhe faltei ao respeito. Não o mandei para o car..lho e por isso agradeço que não o faça comigo. Respeito acima de tudo e eu nunca lhe faltei ao respeito. Nunca o tratei mal de maneira nenhuma. Já lhe disse que não há ninguém à sua espera. Eu nunca lhe menti pois não?

- Vai lá ver à janela se está alguém lá em baixo.

Fui. Fiz-lhe a vontade.

- Não está lá ninguém. Agora sente-se aqui e veja um bocado de televisão para ver se fica mais bem disposto...

Pus-lhe a SIC Noticias que tem um efeito calmante nele. E assim a crise foi passando.

Palavras para quê? O que escrevi diz tudo... Oh vida! 

sinto-me: Em baixo....
publicado por soumaiseu às 14:44

link do post | comentar | favorito
|
Quarta-feira, 8 de Março de 2017

Ritanhês!

Sabemos que estamos a fazer um bom trabalho quando a nossa petiz tem calor na escola:

Colegas - Tira a camisola interior na casa de banho e ficas só com a outra.

Rita - Não, que a minha mãe não deixa.

Colegas - Mas a tua mãe não sabe. Vais à casa de banho, tiras e depois antes de ires embora voltas a vestir e ela não sabe...

Rita - Não, eu não faço isso. Não vou mentir à minha mãe. Se tirasse dizia-lhe, mas não vou tirar.

E chegou cá fora e contou-me tudo... "Para quê mentir às mães se as mães têm um dedo que adivinha?" (frase da petiz). Orgulho! Muito orgulho na minha menina! A menina dos meus olhos! 

sinto-me: Orgulhosa!
publicado por soumaiseu às 20:32

link do post | comentar | ver comentários (3) | favorito
|

.mais sobre mim

.FAZ-TE YOUZZER!

.Abril 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.posts recentes

. Uma boa ideia...

. Carta 1

. De volta...

. Uma década...

. Ritanhês: nova amiga!

. On a diet...

. Ritanhês: o novo calão...

. Nostalgia em Ritanhês...

. Quando...

. Sabemos que....

.últ. comentários

Estás a passar por muito e fragilizada. Beijocas e...
Adoro essa ideia. Já tive para fazer isso por cont...
Olá. Eu e a minha mãe sempre tivemos divergências....
Parabéns para a princesa!
Muitos parabéns minha linda. Que sejas sempre muit...
Tão bom! Eu acho que a Leonor e a Rita são muito p...
Obrigada Ana! Sim, é verdade! Foi hoje que a petiz...
Bem, por aquilo que vi escrito lá em cima e depois...
Que fixe, eu tenho uma amiga próxima desde os 10 a...

.favoritos

. Sim tenho vagina, não não...

. É esta a realidade do nos...

. Disparates....

. sabem aquela mulher que m...

. O que fiz no domingo?

. Ritanhês: Depois do Fazer...

. E o Resto Que Se Lixe

. O anuncio que hoje me fez...

. Toda as mortes são premat...

. O Pai Natal

.links

.tags

. todas as tags

.arquivos

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Fevereiro 2011

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

.pesquisar

 
blogs SAPO

.subscrever feeds