Lilypie Kids Birthday tickers
Sexta-feira, 29 de Maio de 2015

Actuação!

10931426_10153316445272421_3669612453045546674_n.j

 

Amanhã é dia de mais uma actuação do nosso Rancho: O Rancho Folclórico e Etnográfico da Casa do Concelho de Cinfães estará mais uma vez presente no Festival de Folclore acima mencionado, que decorrerá na Mata da Madre de Deus. O Local é fresquinho, espaçoso, com sombras, normalmente há barraquinhas por lá, por isso se gostam de folclore ou não tem mais nada que fazer apareçam! Nós lá estaremos a dar o nosso melhor! 

(PS. Zélia, achavas que eu andava distraída? Não, não! Só zangada, distraída não!  Beijocas!)

(PS. Um dia destes falo-vos da Zélia, mas tenho de lhe pedir primeiro autorização...)

sinto-me: Folclórica!
publicado por soumaiseu às 12:23

link do post | comentar | ver comentários (9) | favorito
|

Frontalidade: o meu pior defeito!

Já toda a gente sabe que ando insuportável, certo? Ora quando alguma coisa não me corre de feição eu tenho muita dificuldade em ficar de bico calado (e acreditem que já fui pior), normalmente o marido dá-me a volta e eu lá me controlo, mas é um controlo temporário. Ora esta semana houve reunião de condomínio cá no prédio, reuniões essas a que eu faço questão de não estar presente porque me irritam de morte. Em Outubro tive um entupimento da prumada do prédio na minha cozinha e tive de chamar a "Desentop", que inclusive já cá tinha estado cerca de 6 anos antes exactamente pelo mesmo problema. Foram inseridos na prumada 10 metros de "tubo". Paguei 221.40€ para desentupir a coisa, e esta é uma despesa que terá de ser assegurada pelo condomínio, certo? Soube no dia da reunião que um dos administradores afirmou peremptoriamente que o valor não deveria ser pago pelo condomínio porque o entupimento é causado por falta de cuidado... Digo-vos que me deu logo uma coisinha má. Cruzo-me com este senhor de quase 80 anos quase todos os dias, sempre me deu os bons dias e se desfez em cordialidade e nunca teve tomates para me dizer o que pensava na minha cara, se há coisa que me irrita nas pessoas é a falsidade. Hoje apanhei-o na rua e desanquei-o! Sim, ouviram bem! Desanquei-o! Juro-vos que tentei falar com o senhor de forma calma e civilizada, o primeiro argumento dele foi que eu não tinha estado presente na reunião (do tipo, você é mulher, não esteve presente, por isso cale-se), e eu mantive-me na minha linha de argumento, mas quando o velho começa a bater o pé no chão, como se fosse uma criança de 2/3 anos, aos gritos na rua ao ponto de quase perder a dentadura, e a dizer "NÃO É PRUMADA, NÃO É PRUMADA, NÃO É PRUMADA!" para a seguir me virar as costas tentando-me fazer passar por maluquinha, passei-me! Desci dos saltos! Fui atrás dele e disse-lhe "É PRUMADA SIM, VOCÊS VÃO-ME PAGAR O DESENTUPIMENTO AGORA E VÃO-MO PAGAR TODAS AS VEZES QUE AQUILO VOLTAR A ENTUPIR, NEM QUE SEJA NA BARRA DO TRIBUNAL!"... Tão a ver o cinema? Pois... a rua inteira a olhar para nós! O velho foi-se embora a remoer, e eu também, mas não sem antes lhe chamar velho falso e caquéctico... saiu-me! A partir de agora apetece-me continuar a dar-lhe a salvação só para o irritar! (Ainda bem que daqui por uns dias já me passou o mau tempo, não quero que o velho tenha uma trevadinha, mas que merecia merecia!)

sinto-me: Endiabrada!
publicado por soumaiseu às 11:57

link do post | comentar | ver comentários (8) | favorito
|
Quarta-feira, 27 de Maio de 2015

Ritanhês!

- Mamã, já sei o que quero ser quando for grande. Quero ser veterinária. Já não quero ter a Quinta com a Margarida, ela que fique lá com as vacas e com os porcos todos... mas também gostava de ser médica. Dentista é que não! Ou professora, gosto muito de ensinar... Também gostava de ser freira porque gosto muito de cantar o Avé Maria e gosto da Catequese e do Padre, e assim a Avó não me chateava... Mas eu também gostava de ser escritora... eu escrevo muito bem, não escrevo Mamã? 

Freira? Ai Jesus.... E quem me vai dar netos? 

sinto-me: Confusa....
publicado por soumaiseu às 17:27

link do post | comentar | ver comentários (9) | favorito
|

Coisas minhas...

Hoje, estava eu na farmácia a ser atendida, ao meu lado uma senhora cabeleireira que teima em me cumprimentar mesmo não frequentando eu o seu estabelecimento (não gosto do corte dela, e não gostei da queixinha que foi fazer à policia para que eu retirasse o meu carro, uma comercial alta, da frente do cabeleireiro com o argumento de que lhe tirava a luz... estão a ver a minha cara quando a policia me aparece à porta de casa a expor, muito "envergonhadamente" a situação. O carro estava bem estacionado, retirei-o sim, mas dois dias depois... só para chatear! Desde essa altura se já não gostava delas, a minha "simpatia" aumentou...) Mas dizia-vos eu que estava na farmácia, quando a dita cuja desatou às gargalhadas. Perante a cara de ponto de interrogação que os presentes fizeram ela respondeu "Tenho de me rir, há coisas que só mesmo rindo..." E eu digo-vos que há gente mesmo imbecil... não pude deixar de reparar que ela se riu sozinha de algo que só ela percebeu... piada privada, particular, sei lá! A mim pareceu-me que se estava a rir dos presentes, de mim, dos farmacêuticos, dos clientes, e irritou-me de morte! Ai que vontade... Sim, eu sei, ando com mau feitio... é do calor! 

sinto-me: Irritada...
publicado por soumaiseu às 17:15

link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito
|
Segunda-feira, 25 de Maio de 2015

Sabe bem...

... ouvir a Catequista da minha petiz dizer que "a Ana Rita é um doce de menina, calma, obediente, muito inteligente, cheia de personalidade e nada influenciável..."  Fico babada, claro que fico! 

sinto-me:
publicado por soumaiseu às 13:01

link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito (1)
|

Sem tempo...

Ando a mil, com os testes da minha petiz, os intermédios, ensaios do Rancho, Procissões, rezas de terço, piqueniques pela Catequese... sobra pouco tempo para vir aqui. A vontade é pouca, a pachorra quase nula... ando cansada e farta... farta de tudo e de nada. Tudo me irrita, tudo me enerva, tudo me dá vontade de desatar ao estalo e ao pontapé... Vejo inércia e incompetência em tudo e em todos... em suma, ando terrível! Fujam! 

sinto-me: Uma peste....
publicado por soumaiseu às 12:55

link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito
|
Sexta-feira, 15 de Maio de 2015

Desafio: "Um produto da minha região"

 

 

18354686_b1zU0.jpeg

 Desafio lançado pela Miss Ana: enumerar um produto da nossa região. Ora bem, onde vivo não há cá grandes coisas para dizer, por isso falo-vos da região onde nasci. Para os que não sabem, sou beiroa e sempre me lembro de comer queijo. A Beira Baixa é uma das zonas de onde provêm alguns dos mais antigos e conhecidos queijos do nosso país. Senhoras e senhores, apresento-vos o Queijo Amarelo da Beira Baixa. 

amarelo_da_bb_cooperativa_da_beira_baixa_lusitania

É produzido com leite de ovelha e cabra, com uma cura de 45 dias e é um produto certificado, com Denominação de Origem Protegida (DOP). Tem uma crosta de cor amarelo palha a amarelo-torrado uniforme, consistência semi-dura, bem formada, fina e inteira, e um aroma intenso mas agradável e sabor limpo e ligeiramente acidulado.

E o se forem corajosos experimentem também este: 

transferir.jpg

Queijo Picante da Beira Baixa  (DOP):  queijo curado, de pasta dura ou semi-dura, cor ligeiramente acinzentada, textura muito fechada e quebradiça, sem crosta. É obtido por esgotamento da coalhada após coagulação do leite de ovelha cru e puro, ou mistura de leite de ovelha e cabra, por acção do coalho animal. Segue-se um processo de maturação por um período de 120 a 150 dias. O aroma é activo e característico, com um sabor forte e acentuadamente picante. Picante não salgado, ok? Este sim, não é um queijo para principiantes, e é um queijo que me faz crescer água na boca... Atrevem-se a experimentar? 


Nomeio apenas uma pessoa, Anabela: estou curiosa para ver o que me recomendas da tua zona. Pode ser? 

sinto-me: Com água na boca...
publicado por soumaiseu às 12:50

link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito
|

Desafio de tudo um pouco

18392133_fNoyL.png

Desafio que veio da Lola. Consiste em responder a perguntas... então cá vai:

1. Qual o seu estilo de música preferido?

 Basta que seja música, gosto um pouco de tudo, ritmos africanos e latinos mexem comigo, kizombas, folclore, "martelinhos"... 

2. Que peça de roupa é a sua preferida do momento?

 Uma blusa de linho creme que me deram e que eu "adaptei" ao meu gosto pessoal cortando-lhe as mangas... ficou um espectáculo.

3. Qual dos seus vernizes são mais divos?

Vermelho sangue de boi...adoro! 

4. Shorts ou saia, e porquê?

 Shorts: não sou uma mulher de saias embora as use. Entre as duas peças de roupa, os shorts ganham pelo conforto e praticabilidade.

5. Cabelo liso ou encaracolado?

 Encaracolado e ao natural, o meu cabelo.

6. Salto ou Sapatilha?

 Saltos nunca, sapatilhas ultimamente quase sempre, mas o que eu gosto mesmo é de chinelos de enfiar o dedo...

7. Brigadeiro ou sorvete?

 Escolha difícil... Adoro gelados, mas também adoro um bom brigadeiro... quero os dois por favor, pode ser?

8. Doce ou Salgado?

 Mais uma vez os dois juntos... prefiro doce mas com uma pitada de sal.

9. Como você define seu estilo?

  Sou pratica, não tenho estilo, uso tudo e visto tudo desde que me agrade, me faça sentir bem e me assente bem.

10. Você é do tipo de mulher consumista ou só compra o básico?

 Não sou nada consumista, aliás detesto ir às compras, detesto comprar coisas para mim, acho uma seca... só compro mesmo o básico e quando já tem mesmo de ser...

11. Você se considera vaidosa? 

 Nada... já fui, mas já nem me lembro do que isso é!

 

E os nomeados são:

Nocas 

Anabela 

O meu Maior Sonho

Mulher, Filha e Mãe

Mom Sandra 

Miss Ana

publicado por soumaiseu às 12:12

link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito
|
Quinta-feira, 7 de Maio de 2015

Ritanhês! Para desanuviar...

Estávamos a fazer uma lista das vozes dos animais para a escola.

- O Burro?

- O Burro faz i-ón, mamã...

- O Burro zurra, escreve...

- O Cão?

 - O Cão ladra, muito bem, essa é fácil... E o Cuco?

- .... hum, não sei...

- O Cuco cuca... E o Mocho? 

- O Mocho micha.... 

(Para os que não sabem o Mocho pia... não micha nada)... 

 

Sobre o namoro do Rodrigo (que dorme num beliche com a irmã gêmea Margarida) com a Carolina e uma possivel festa de pijama a que a minha petiz faz questão de não ir:

- ... A Carolina diz que vai dormir por cima do Rodrigo... Coitado do miúdo, só tem 8 anos e já tem uma pessoa a dormir por cima dele... Vai ficar sem ar!   

(Não comento que é para não dizer coisas que não devo...)

 

- Rita despacha-te! Está na hora de ires para a cama...

- Está bem está bem, é só o xixi sair... não posso obrigar o xixi a sair! 

(Ai não?)

 

No Rancho, conversa entre a minha petiz e o filho de um dançante que não anda no Rancho mas acompanha o pai quando está com ele:

- A Ritinha é a minha nova namorada...

- (Furiosa, faz uma pausa dramática e diz) Levas um estaladão na cara que nem sabes que terra és...

(Atenção que o menino em questão é mais velho que a minha miúda, tem cerca de 12 anos... Acho que ficou tão apardalado com a resposta que nem teve reacção. Contado por ela e por quem viu)

sinto-me: Divertida....
publicado por soumaiseu às 21:08

link do post | comentar | ver comentários (5) | favorito
|

Vou desenvolver...

Vou contar-vos mais acerca de uma das minha verdades na Tag:That's True?. Isto porque considero importante que ensinemos os nossos filhos a não ter medo de fazer frente a quem quer que seja, seja em que situação for. É importante que os ensinemos a dizer não, a tomar uma atitude por muito difícil e complicado que seja... Então o que aconteceu foi o seguinte, tinha eu 17 anos (lembro-me da idade porque foi quando conheci o meu marido), quando comecei a ser perseguida no autocarro por um homem bastante mais velho do que eu, talvez já na casa dos 30 ou  mais, todo bem arranjado, todo bem cheiroso. Começou por sorrir para mim, depois passou a sentar-se ao meu lado sempre que podia, roçava a perna dele à minha mais do que deveria, apertava-me contra a janela do autocarro (eu tinha o hábito de me sentar nos bancos junto aos vidros), em dias de aperto roçava-se, mais tarde começou a acariciar-me o rosto, chamava-me querida e outras coisas do género... Eu nada fiz para que esta situação surgisse nem a encorajei de forma alguma. Tentei evita-lo como pude. Passei a apanhar o autocarro mais tarde, mas ele apanhava sempre o autocarro uma paragem à frente da minha e só entrava depois de se certificar que eu vinha lá dentro. Passei a sentar-me no lado de fora dos bancos do autocarro e quando ele me pedia para o deixar passar para se sentar ao meu lado junto ao vidro eu levantava-me e mudava de lugar, mas ele mudava também. Experimentei sentar-se sempre ao pé de pessoas, ele tocava-me na mesma. Passei a vir em pé, e ele achou que isso era como que uma autorização para passar por mim e fazer-me ainda mais festas na cara, sentava-me nos bancos individuais e virava a cara para o vidro, mesmo assim lá vinha a carícia indesejada.. o toque dele enojava-me, arrepiava-me, dava-me vómitos, assustava-me... já não sabia o que fazer. Um dia em desespero de causa contei aos meus pais. A minha mãe ficou muito preocupada, o meu pai, esse ficou completamente transtornado. Disse-me apenas "Amanhã vou ter contigo à escola. Tu não me vais falar, e vais-me fazer sinal de quem é o tipo... eu trato dele!". Percebi pelas suas palavras que o tratar dele era algo muito grave, o meu pai é um homem de pelo nas ventas, foi então que decidi que tinha de fazer alguma coisa. Pedi ao meu pai que me desse um dia que eu ia resolver o assunto. Não foi fácil convence-lo. No dia seguinte apanhei o autocarro bastante mais tarde (avisei em casa) sabendo que ele estaria à minha espera. Sentei-me num dos tais bancos individuais. O tal toque veio como sempre acompanhado do mesmo sorriso ofensivo. Nesse dia, nem de propósito, o autocarro vinha bastante vazio... Tinha tudo em mente. Levantei-me do meu lugar um pouco mais cedo e fui falar com o motorista do autocarro "Saio no Relógio, já a seguir, por favor não arranque com o autocarro sem que eu saia..." Sem mais explicações virei costas e fui ter com o abusador que estava sentado mesmo ao fundo do autocarro e que me recebeu todo sorridente. Enchi-me de coragem e disse-lhe calmamente mas alto e bom som para que todos os presentes ouvissem bem as minhas palavras "Se voltas a pôr as tuas patas sujas e imundas em cima de mim, eu arranco-te os tomates, ouviste? Ouviste bem? ARRANCO-TE OS TOMATES, PORCO!!!" O sorriso dele mudou de cor: ficou amarelo. Virei costas em direcção à porta de saída e só nessa altura percebi que o motorista estava à minha espera. Agradeci-lhe e sai. A boca seca, o coração a galope, as mãos frias e suadas... Sabia que tinha jogado alto, que poderia resultar ou não... Mas digo-vos que nunca mais o vi! Ele desapareceu como que por artes mágicas, da mesma forma que chegou assim se foi. A partir daí perdi o medo em dizer não. Ensino-o à minha filha e a todas as crianças que conheço, sejam meninos ou meninas. Hoje em dia estamos mais conscientes dos predadores sexuais, mesmo assim, há que instruir as nossas crianças, fazê-lo sem medos nem rodeios, garantir-lhes que dizer não é a atitude correcta. Educar, proteger e não duvidar: é esse o meu lema. A minha história ficou por ali, poderia não ter ficado, tanta coisa poderia ter corrido mal. Mas eu, desculpem-me a falta de modéstia, tive a coragem que muitas miúdas e até mulheres não tem, dizer não, tão simples quanto isto. Tomei uma atitude, não deixei andar... É preciso ter coragem! Tenham-a! Sem medos... 

sinto-me:
publicado por soumaiseu às 19:12

link do post | comentar | ver comentários (3) | favorito
|

.mais sobre mim

.FAZ-TE YOUZZER!

.Junho 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.posts recentes

. Alfama...

. Procissão de Santo Antóni...

. O explorador

. As fitas da petiz...

. I'm back!

. Ser mãe... (Ritanhês)

. O explorador...

. A minha menina...

. Novo chinoca...

. O mendigo.

.últ. comentários

Olá, olá... tenho saudaditas tuas... obrigada pelo...
Passei só para deixa uma beijoca, também ando sem ...
Eu adorei o chapéu. Quando cá em casa precisarem v...
Fizeste muito bem. É parvinha a outra miúda.
Olá São! Obrigada pelo seu comentário. Fico feliz ...
É dificil.... Mas vou tentando e hei-de lá chegar...
Prepara-te
Olá, vim deixar o meu testemunho.Apanhei queimadur...
Ah, mas sim, sou uma rabugenta convicta :P
As pessoas são más por natureza. Infelizmente é ma...

.favoritos

. 15 Conselhos sobre Escrit...

. Sim tenho vagina, não não...

. Disparates....

. sabem aquela mulher que m...

. O que fiz no domingo?

. E o Resto Que Se Lixe

. O anuncio que hoje me fez...

. Toda as mortes são premat...

. O Pai Natal

. Às estrelinhas do nosso C...

.links

.tags

. todas as tags

.arquivos

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Fevereiro 2011

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

.pesquisar

 
blogs SAPO

.subscrever feeds